18.11.15

Sonhei com você e não queria acordar, mas no fundo eu sabia que era sonho, sempre sei que é sonho quando você aparece, então eu me perdi muitas vezes de você e era difícil te alcançar de novo. Ontem, antes de dormir, peguei a sua foto, concentrei meu olhar nos seus olhos, e sonhei colorido com as suas cores. Acordei com a Ella cantando freneticamente It don't mean a thingif it ain't got that swing, levantei com preguiça, me arrumei, dei um beijo na cusca e saí pela rua ainda sonhando, que te encontrava, que não te deixava escapar de novo (montando diálogos na minha cabeça), que casava com você e te dizia tudo, o quanto eu te amo incondicionalmente e inexplicavelmente. Só sei amar assim e talvez por essa razão nunca vou ter coragem de te dizer.

Nenhum comentário: