29.5.14

Triste, de uma tristeza acompanhada de resignação, eu olho para o infinito e aceito a vida que eu tenho. Antes, ficava triste, de uma tristeza eufórica, com fogo nos olhos, revoltada dos pés a cabeça. Hoje, tento fazer o caminho mais longo, embora seja necessário um exercício de paciência que muitas vezes eu duvido ser capaz, eu continuo firme e buscando estratégias racionais para resolver meus conflitos. Estratégias racionais para resolver meus conflitos é algo que vai completamente em oposição à minha natureza, mas é questão de vida ou morte. É como querer torcer uma nuvem com as mãos para fazer chover.

Nenhum comentário: