31.1.14

Tem sido difícil manter o equilíbrio, eu fecho os olhos e o meu corpo cai na minha imaginação, só eu sei o esforço que eu preciso fazer para conter o deja vu e me manter em pé. A vontade da minha alma é achar um cantinho, dentro de uma caverna, e se esconder por uns tempos, não ver ninguém, não ouvir ninguém, não me deixar influenciar pelos olhares e falas das pessoas, apenas buscar dentro de mim a conexão que faz a vida ter sentido. Até rezar, eu rezei. Quando eu rezo é por que a coisa tá muito feia. Hoje, alguém me mandou um beijo de longe, sem saber que aquele gesto era a brisa no meio do temporal. E, hoje, me disseram que eu estou mais bonita que antes. Antes de quê? Acho que ele percebeu que eu estou mais sábia, na minha opinião a sabedoria deixa as pessoas mais belas.

Nenhum comentário: