15.1.09

Eu comprei uma idéia, um conceito. Assim como quem compra um tênis de marca na loja oficial e sai andando pela rua com uma grande sacola colorida. E depois de algumas semanas de ilusão, vê o mesmo tênis no pé do manequim de uma loja no centro da cidade, no vidro da vitrine está escrito com tinta vermelha: liquidação, 50% off.

3 comentários:

Anônimo disse...

já fiz centenas de vezes. Aí penso no Mozart, que enchia teatros, popular até a última loucura, e alguém deve ter descoberto isto primeiro (e ter pago uma banana por isto!).

Amanda disse...

era uma metáfora.
e não se pode comparar arte com um par de tênis.
muitos menos Mozart com qualquer coisa que se diga "arte", mas que não passe de lixo.

Anônimo disse...

eu sei que era metáfora. Você não acredita que possa existir arte até mesmo num par de tênis? A última frase não entendi. Mozart lixo?