2.7.08

Ninguém


Lágrimas amargas de Petra von Kant - Rainer Werner Fassbinder

- Mas temos de ter nossas próprias experiências. Não me arrependo nem um pouco. Ninguém nos tira aquilo que aprendemos com a vida. Pelo contrário, essas coisas nos dão maturidade.

- Não sei, Petra... Se podemos prever o que vai acontecer, a experiência valerá a pena?

2 comentários:

Ricardo Ferreira disse...

Fassbinder como sempre muito bom!
Esse eu ainda não vi, mas já me interessei somente observando este dialogo.

Amanda disse...

Eu gosto do Fassbinder, apesar de não ter visto ainda todos os filmes dele que gostaria. Petra é um dos meus preferidos, é praticamente uma peça filmada, praticamente um monólogo... E muitas lágrimas amargas mesmo. ;)

Mas meu preferido do Fassbinder, só pra contrariar a maioria... hehehe... é Roleta chinesa.